Príncipe Harry luta há 20 anos para superar a morte da mãe

comunhão com Deus, Death of Diana, Diana, mas o tempo, Prince Harry, Princess of Wales,

Príncipe Harry luta há 20 anos para superar a morte da mãe

A morte da princesa Diana, em agosto de 1997, movimentou os noticiários da época, abalou a família real e o povo britânico. Harry estava com 12 anos e o príncipe William com 15 quando tiveram que lidar com a perda da mãe. Duas décadas se passaram, mas o tempo não foi capaz de apagar a dor de Harry, que revelou à BBC que começou a lidar com a dor da perda somente aos 28 anos.

Atualmente com 32 anos, ele disse que esteve “à beira de agredir alguém”, e que enfrentava uma forte ansiedade durante compromissos reais. “Eu provavelmente estive perto de um colapso nervoso em várias ocasiões”, informou. “Perder a minha mãe aos 12 anos e desligar as minhas emoções pelos últimos 20 anos provocou um efeito sério, não apenas em minha vida pessoal, mas também profissional.”

Harry afirma que sessões de terapia e a prática de boxe foram essenciais para que começasse a lidar com a tristeza que guardava dentro de si e evitar um surto.

O que a medicina não consegue fazer

“Perder alguém não é fácil, e quando você não tem o Espírito Santo é aterrorizante. Mas quando Ele está com você, Ele lhe poupa, Ele lhe guarda. Invista na sua comunhão com Deus, pois Ele lhe dará tudo que precisa, mas para isso Ele precisa estar em primeiro lugar”, ensina a escritora Nanda Bezerra.

Falar sobre um problema com alguém que você confia pode ajudar a trazer alívio, mas não podemos nos esquecer de que Deus conhece o nosso interior como ninguém, e alcança lugares que nenhum ser humano consegue alcançar. Por isso, é importante manter um relacionamento íntimo com Ele, para que os problemas e sofrimentos da vida não tirem o nosso chão.

Se você enfrentou a perda de um ente querido e precisa de ajuda para superar esse momento, compareça a um Centro de Ajuda prróximo, assista a uma reunião e converse com o pastor responsável para ter uma direção. Clique aqui para encontrar o centro mais próximo da sua residência.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário