ANO NOVO, VIDA NOVA? PARTE 1

As mesmas esperanças, depende de sentimentos, responder a essa pergunta, tempos bíblicos, terras estrangeiras,

Essa é a esperança de todo o mundo. Inclusive, crentes em Jesus.
Mas será que o sentimento de  esperança é suficiente para se ter uma vida nova no ano novo?

Para responder a essa pergunta basta voltar ao passado. Existiam as mesmas expectativas, nessa época, nos anos anteriores. As mesmas esperanças. E o que aconteceu? Nada. Para a maioria foi até pior.
 Por quê?
 Porque a vida nova não depende de sentimentos, mas da fé em ação. Como?
 Voltemos aos tempos bíblicos.

Deus chamou Abraão para construir uma nação separada de todas as   demais pagãs. Israel, neto de Abraão, multiplicou-se no Egito e  tornou-se um povo numeroso. O Senhor o libertou da escravidão egípcia e dele constituiu uma nação forte e poderosa.

Mas, por conta de sua rebeldia, Israel voltou à condição espiritual de Jacó. Voltou à condição de escravo em terras estrangeiras.

A história se repete. Quando o povo está bem espiritualmente, há paz, saúde e prosperidade. Mas quando está mal com Deus, o diabo deita e rola.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário