Você pode e precisa se dedicar mais

físico e mental, maneira de pensar, perder para ganhar,

limpezaVocê, homem, deve conhecer a rotina de um atleta profissional: o sol nem apareceu e ele já está se aquecendo e se preparando psicologicamente para o treino diário. Ele tem que dedicar seu tempo exclusivamente para isso e deixar de lado o lazer. A dieta é rigorosa e o desgaste físico e mental, para alcançar o resultado almejado, facilmente o leva ao limite. Tudo isso para ter apenas a chance de competir. Contudo, todo esse foco e essa disciplina não são garantia de vitória. E se, mesmo superando todos esses obstáculos, ele conseguir chegar ao topo, provavelmente, terá de enfrentar a perda de memória da torcida depois do campeonato, que, por vezes, com o passar do tempo, se esquece dos seus feitos.

Na Bíblia, o apóstolo Paulo comparou a vida do seguidor de Cristo com a de um competidor dos estádios. No entanto, conforme ele explica, aquele que se dedica a alcançar a Salvação, proposta pelo Senhor Jesus, não compete por algo passageiro, mas busca um prêmio que terá validade eterna. No capítulo 12, versículo 4, do livro de Hebreus, vemos que é necessário “resistir até o sangue” no combate contra o pecado.

Foi o que alertou o palestrante Renato Cardoso, durante o encontro mensal exclusivo para homens, ocorrido no Templo de Salomão, na capital paulista, no dia 11 de fevereiro: “muitos não têm ‘resistido até o sangue’. E, se você não tem ‘resistido até o sangue’, não vai adiantar resistir só um pouco. Porque só existem duas opções: você resiste ao pecado ou você é vencido por ele. É uma guerra travada todos os dias. E o que é pecado? Pecado é um erro qualquer. É quando você traz um prejuízo para si mesmo. Jesus disse que o caminho que leva à Salvação é estreito. E você tem que atentar para isso, porque, no combate ao pecado, a maioria tem perdido.”

Talvez, você, parceiro, até esteja pensando: “mas eu não tenho conseguido vencer as minhas tentações. Parece que é algo mais forte do que eu”. Entretanto, é preciso aprender a perder para ganhar. É preciso que haja entrega. E nós temos um belo exemplo disso na Bíblia: o Senhor Jesus.

“O sangue fala da perda, do sacrifício. Você ‘resistir até o sangue’ significa pagar o preço. Quando se fala que o Senhor Jesus resistiu até a cruz, também se quer dizer que Ele manteve o Seu foco, os Seus olhos, no Céu. Ele não tirou os olhos do Céu. Para Ele, a perda que estava sofrendo era momentânea. Ele, aparentemente, ia perder, mas sabia o que iria ganhar”, esclareceu o palestrante.

Será que você, amigo, tem verdadeiramente “resistido até o sangue” na corrida para alcançar a Salvação da sua alma? Faça uma autoavaliação e mude a sua maneira de pensar, se for necessário, mas não perca essa batalha.

Se você precisa de apoio para se aproximar de Deus, participe de nossa reunião da Limpeza Espiritual, que acontece todas as sextas-feiras, no seu Centro de Ajuda local.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário