Mexicanos penduram bonecas em árvores para “acalmar” espíritos

fruto da imaginação, jornal britânico,

Mexicanos penduram bonecas em árvores para “acalmar” espíritos

Uma espécie de cemitério de bonecas virou – sem nunca ter tido pretensão – um ponto turístico em Xochimilco, na Cidade do México, capital mexicana. Centenas de fotógrafos e aventureiros viajam para a Isla de las Muñecas (Ilha das Bonecas) a cada ano para desvendar os mistérios que rondam o local. No entanto, a sensação que os visitantes têm é de estar em uma cena de filme de terror. Alguns até afirmam já ter ouvido vozes por lá e visto as bonecas virarem os olhos e se mexerem, segundo relatos de entrevistados para emissoras de tevê mexicanas.

De acordo com o jornal britânico Daily Mail, as primeiras bonecas começaram a ser penduradas em árvores quando o mexicano Julian Barrera (foto abaixo) encontrou o corpo de uma garotinha e a sua boneca flutuando em um dos canais que passam pela ilha. Em sinal de respeito, ele pendurou o brinquedo da menina em uma árvore. Após isso, ele alegou ter começado a ouvir passos, sussurros e lamentos angustiados de uma mulher na escuridão. Impulsionado pelo medo, Barrera passou a ”presentear” os espíritos com brinquedos nos galhos todas as noites, o que acabou virando uma rotina por mais de 50 anos.

Pouco tempo antes do acontecimento, Barrera havia deixado a família para viver recluso na floresta próxima ao local. Segundo o site oficial da Isla de las Munecas, Barrera se culpava por não ter conseguido salvar a vida da garotinha.

Hoje já são milhares de bonecas no fundo da floresta, muitas decapitadas e mutiladas, que foram colocadas por turistas e moradores locais. A umidade e a vegetação deixaram os brinquedos com a aparência de pequenos “monstos”.

Slide1.690x460

Morte misteriosa

A tentativa desesperada de “acalmar” os espíritos seguiu até 2001, quando Barrera foi encontrado morto no mesmo canal em que encontrou a boneca flutuando. O motivo da morte dele é um mistério na ilha. Mesmo 14 anos depois, visitantes dizem que ouvem sussurros durante a noite e sentem os olhos das bonecas seguindo-os por entre as árvores.

Há quem diga que a história não passa de uma lenda inventada por Barrera, após anos de isolamento na floresta. A família alega que ele sempre acreditou que a ilha era mesmo assombrada pelo espírito da garotinha. No entanto, pessoas próximas a ele afirmam que ele foi “movido por uma força invisível que o mudou completamente”.

E você, em que acredita? Seria apenas o fruto da imaginação desse homem que o motivou a criar a Ilha das Bonecas? Ou estaria ele atormentado por espíritos malígnos?

Se você tem passado por tormentas espirituais, venha buscar a libertação em sua vida todas as Sextas-feiras às 19h30 (também às 10h, 12h e 15h) no Teatro Rainbow, 232 Seven Sisters Rd, Londres, N4 3NX, ou num Centro de Ajuda mais próximo de si.

Para mais informações ligue para 020 7272 1010

Compartilhe conosco a sua opinião nos comentários.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário