Estreia na Record a nova temporada da série “A Bíblia”

a sua própria culpa, Apostle (Christian), Christ, história de Jesus, Jesus, Judas Iscariot, ressurreição do Senhor Jesus,

 

Graded_AD_EP01_10.18.14_D4S7384.300x200Estreia nesta terça-feira (4), às 11 da noite, na Record, a nova temporada da série “A Bíblia”.

Criada por Roma Downey e Mark Burnett, a produção foi uma das mais vistas em 2013 – ano do seu lançamento – nos Estados Unidos, com uma audiência, já no primeiro episódio, de 13,1 milhões de espectadores.

“A Bíblia” abrange de Gênesis à Apocalipse e, nessa nova temporada, o foco é a morte e ressurreição do Senhor Jesus, a descida do Espírito Santo e o surgimento e crescimento da Igreja Cristã.

Uma curiosidade sobre a série é que, desde o início, foi escolhido um elenco de não celebridades, para que a atenção fosse totalmente voltada à mensagem das Sagradas Escrituras. Outra preocupação que os autores tiveram ao escrever foi o de consultar diversos conselheiros teológicos, com o intuito de ser o mais fiel possível ao conteúdo bíblico.

“Parte do que esperava conseguir com a série era mostrar que a Bíblia não é simplesmente uma coleção de histórias desconexas, que são frequentemente discutidas e analisadas em trechos com capítulos e versículos. Em vez disso, queríamos mostrar como o Antigo Testamento se conecta perfeitamente com o Novo Testamento. Como são histórias arrebatadoras e com uma mensagem primordial: Deus ama cada um de nós como se fôssemos a única pessoa em todo o mundo para amar “, escreveu o casal de autores em artigo publicado pelo site norte-americano Huffington Post.

No primeiro capítulo

No capítulo de estreia da nova temporada, Pedro luta com a sua culpa por ter negado Jesus. Os poucos que acreditam que realmente ficaram para ver o Seu fim recebem algum consolo quando o corpo de Jesus é liberado para um sepultamento adequado.

Atormentado pela culpa, Pedro está perdido e sozinho. Outro discípulo que luta contra a sua própria culpa é Judas, que traiu Jesus. Pedro se reúne com Maria e João e descobre que eles ficaram com Jesus até o último momento. Os Seus seguidores não sabem o que fazer e no que acreditar, e questionam se devem ou não esperar na cidade por 3 dias, até a ressureição, ou fugir.

Caifás enfrenta questionamentos difíceis dos sacerdotes, em particular José de Arimatéia, que é membro do Sinédrio. Eles perguntam se a execução de Jesus foi a decisão certa, sentem pena de Jesus e de sua família e pedem a Pilatos para liberar o corpo para um enterro apropriado.

O corpo de Jesus deve ser enterrado em Seu próprio túmulo, e José cumpre a profecia de Isaías de que o Messias seria colocado para descansar entre os “ricos”. Caifás fica furioso ao pensar que tinha resolvido o problema com Jesus mas, pelo contrário, José traz à tona novamente.

Caifás explica a Pilatos que o enterro do corpo foi um erro e pede para colocar um selo romano sobre o túmulo, além de guardas para evitar que os cristãos roubem o corpo e encenem uma ressurreição. Pilatos concede o pedido, esperando que traga um fim a todo esse episódio de Jesus.

Os guardas romanos e do Templo estão em posição diante do túmulo de Jesus, mas são impotentes e ficam aterrorizados com o anjo que rolou a pedra da entrada do túmulo. A história de Jesus e Seus discípulos não acaba. E os problemas de Caifás e Pilatos apenas começam.

Gostou? Qual a sua expectativa para essa nova temporada de “A Bíblia”? Deixe um comentário.

Aproveite e avise os amigos e familiares sobre a estreia. Compartilhe também em suas redes sociais.

Gostou? Então compartilha:

Related Post

Deixe um comentário