Boris Johnson diz que vai criar ‘mês iberoamericano’

aguardente, Boris Johnson, comunidades, organizadores do evento, Universidade de Londres,

No dia 06 de dezembro, foi realizado o III Encontro Anual de Boris Johnson com as comunidades de línguas espanhola e portuguesa na Universidade de Londres.

Na ocasião, Boris Johnson comprometeu-se a criar um mês “Pela herança cultural iberoamericana, lusofona e hispânica em Londres”.

O evento reuniu por volta de mil pessoas que ocuparam os salões maiores da Senate House. Os organizadores do evento foram os membros do Instituto de Estudos das Américas. Além deles, também a Aliança Iberoamericana e Lusohispana do Reino Unido e a Minka News trabalharam juntas para produzir um evento que fosse, tanto de alta qualidade acadêmica, como também um laço de união entre as comunidades.

Segundo os organizadore, o evento reuniu por volta de mil pessoas, as quais ocuparam os salões maiores da Senate House (Casa do Senado). Entre os palestrantes estiveram alguns dos principais acadêmicos e dirigentes comunitários luso-hispânicos de Londres.

Durante o evento, Boris Johnson declamou que se sente orgulhoso por ter nascido em um centro de saúde portoriquenho de Nova York e que se chama Boris devido à uma homenagem a um amigo de seus pais  que ajudou na  viagem de sua mãe, do México até Nova York, para lhe dar à luz. Do contrário, ele teria nascido em terras astecas.

Aproveitando as festividades natalinas, o prefeito de Londres foi presenteado com uma cesta incluindo produtos originários das nações ibero-americanas como: tequila, pimenta, feijão e até aguardente.

Neste dia Boris recebeu ainda dois “bottons” de lapela,  um com o símbolo da Olimpiada de 2016 que seá sediada no Brasil e outro com o símbolo da comunidade Iberoamericana.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário