QUEM SÃO OS PRIMOGÊNITOS?

despreza a Deus, diante de Deus, recebeu de Deus,

 

Na próxima semana, de 2 a 9 de setembro, o Deus Pai, representado por Isaque, chamará a mãe Igreja, representada por Rebeca, para apresentar o primogênito para se apossar dos seus direitos. Esaú ou Jacó?

Abraão se tornou primogênito de Deus e recebeu a Sua herança.

Em seguida, Abraão deixou essa herança para o seu filho Isaque. Todas as bênçãos que Abraão recebeu de Deus deixou para o seu primogênito, Isaque.

Isaque, por sua vez, teve com Rebeca filhos gêmeos, Esaú e Jacó. Esaú era o primogênito.

Isaque iria deixar tudo que Abraão lhe deixou e as coisas que ele conquistou com Deus para Esaú.

Porém, num determinado dia, Esaú desprezou a bênção, trocando o seu direito por um prato de lentilhas. Na verdade, Esaú não desprezou apenas a bênção, ele desprezou o pai.

Vejamos que Esaú foi forte no ventre, mas fora dele foi fraco. Assim tem sido o comportamento de muitas pessoas, dentro da igreja parecem fortes e fiéis, mas lá fora, diante das propostas deste mundo, são fracas.

Quando Isaque chamou Rebeca e a mandou trazer o primogênito, a mãe chamou aquele que havia valorizado o direito para se apresentar diante do pai. Ela não chamou o que havia desprezado.

A mãe (igreja) não chama quem despreza a Deus, apenas os que valorizam o seu direito para se apresentar diante do Pai.

E Jacó valorizou, por isso ele foi chamado. Por este motivo é que hoje nós chamamos pelo “Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó”. Era para ser diferente: “Deus de Abraão, de Isaque e de Esaú”. Porém, nós não invocamos o “Deus de Esaú”, mas o “Deus de Jacó”, porque Jacó foi quem valorizou.

Portanto, de 2 a 9 de setembro, Rebeca, a mãe, que é a igreja, estará chamando os primogênitos para se apresentarem diante de Isaque, o pai, ou seja, diante de Deus, para se apossarem de todos os direitos reservados para os fiéis, os primogênitos.

O que temos sido: Esaú ou Jacó?

 

“O que rouba a seu pai ou a sua mãe e diz: Não é pecado, companheiro é do destruidor.” Provérbios 28.24

Que Deus os abençoe.

Bispo João Leite

 

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário