Por quê?

lssupper

Poucas palavras no dicionário têm o poder de revelar mais sobre nós e nossas verdadeiras intenções do que a expressão “POR QUÊ.”

Duas pessoas podem fazer exatamente a mesma coisa, mas por motivos muito diferentes, e é esse motivo por trás do que está sendo feito que vai determinar se aquela ação será aceita por Deus ou não.

Vejamos, por exemplo, o que o Senhor Jesus disse em Mateus 6:5 “E, quando orares, não sejas como os hipócritas; pois se comprazem em orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens.”

Certamente, todos concordam que orar é uma ação positiva. Na verdade, não há outra forma de nos conectarmos a Deus (seja por pensamentos ou palavras) do que através da oração. Mas neste versículo, Jesus está nos mostrando que, mesmo quando oramos, deve ser pela razão certa.

Esse princípio precisa ser aplicado em tudo o que fazemos:

● Por quê servimos nossas autoridades (chefes, superiores, pais, etc.) com humildade? Essa humildade é verdadeira, ou estamos apenas tentando ganhar pontos com aquela pessoa para, de alguma forma, sermos recompensados?
● Por quê queremos nos casar? Nosso foco é nos unirmos a alguém com a mesma fé, para servirmos a Deus juntos até o fim de nossas vidas, construindo Seu Reino aqui na terra? Ou, na verdade, estamos apenas pensando em nós mesmos, pois queremos suprir nossas necessidades físicas e emocionais e ter algumas fotos legais para postar em nossas redes sociais?
● Por quê sonhamos com uma promoção no emprego, um carro novo, um emprego novo, etc? Queremos glorificar a Deus com nosso testemunho e mostrar Seu Reino através da nossa prosperidade, ou apenas ostentar esse sucesso como mérito próprio e suprir nossas ambições pessoais, tendo uma vida cheia de status?
● Por quê queremos perder aqueles quilos extra? Para minimizar ao máximo o risco de doenças, pois queremos ser saudáveis para sermos úteis na obra de Deus, ou porque queremos sair melhor nas fotos, atrair possíveis pretendentes ou até mesmo parecermos mais atraentes em roupas que nunca usamos?

Independentemente de quem você seja, ou de qual papel você ocupe na obra de Deus, todos os dias tire um tempo antes de tomar suas decisões e analise o motivo real pelo qual você está fazendo aquilo.

Lembre-se: duas pessoas podem fazer as mesmas coisas, mas por motivos diferentes.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário