Perseguição contra os cristãos aumenta em mais de 30% em um ano

persecution
De acordo com uma pesquisa anual realizada pela organização “Open Doors”, a perseguição contra os cristãos aumentou em mais de 30% em um ano. Durante 2020 foram registrados 260 milhões de casos de perseguição, mas apenas nas primeiras semanas de 2021 esse número já tinha passado de 340 milhões.

O número de cristãos mortos por causa da fé que professam também aumentou em mais de 60%. Apenas em 2020, o número subiu de 2.983 para 4.761.

A violência contra os cristãos aumentou mais drasticamente em regiões específicas, como o continente africano. Outro fator que contribui para essa perseguição é o uso da tecnologia para monitorar cristãos (algo que vemos acontecendo em partes da China e da Índia).

Para a pesquisa, a “Open Doors” fez um estudo de campo com especialistas e cristãos perseguidos, em seus respectivos países e comunidades.

Países intensificaram a perseguição durante a pandemia

Além dos fatores já citados, a pandemia do Covid-19 está entre as causas desse aumento. De acordo com a “Open Doors”, a discriminação aumentou ainda mais durante a pandemia.

Um documento criado pela organização revela que cristãos de lugares como Bangladesh, Índia, Paquistão, Iêmen e Sudão deixaram de receber ajuda do governo por causa da fé que professam. A pesquisa também revela que a Nigéria foi o país onde mais cristãos foram mortos em 2020, estando também na lista dos 10 países com mais ataques a igrejas em 2020 (ocorreram mais de 3.088 ataques no país).

Infelizmente, apesar deste problema afetar milhões de pessoas ao redor do mundo, poucos falam sobre isso.

Confira abaixo a lista dos 50 países onde os cristãos mais são perseguidos:

hhhh 1

Jesus já havia nos alertado sobre isso:

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do Meu nome.” (Mateus 24:9).

Para saber mais sobre os acontecimentos que marcam o fim dos tempos, junte-se a nós todos os domingos, às 18h, em sua Universal local, onde realizamos um estudo Bíblico baseado no Livro do Apocalipse.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário