Moradores de Canoas recebem ajuda de voluntários da Universal

para sua própria vida, pastores e voluntários,

 

DSCN7658.690x460Ação do grupo A Gente da Comunidade já é tradicional na cidade

A tarde de 3 de abril foi bastante movimentada para os moradores do bairro Prata, em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, capital gaúcha. A Escola Municipal de Ensino Infantil Prof.ª Idára Rocha foi sede de mais um evento promovido pelo A Gente da Comunidade, que já é tradicional na cidade e ocorre mensalmente.

Cerca de 100 voluntários estiveram à disposição da comunidade, que somou quase 200 pessoas entre adultos e crianças. Os participantes desfrutaram gratuitamente de corte de cabelo, manicure, verificação de pressão arterial, orientação jurídica e espiritual, além da distribuição de suco, pipoca e algodão doce. Também foram doadas 100 cestas básicas às famílias mais carentes.

O evento ainda promoveu atividades recreativas para a criançada, com desenhos para colorir e pintura no rosto. Maria Rosália Padilha, de 67 anos, que passou pelo atendimento espiritual, destacou que o evento foi ótimo e que ela estava realmente precisando disso, tanto para sua própria vida como para buscar direção para a vida de seus dois filhos que sofrem com problemas de saúde.

Já Aranita Cruz, de 63 anos, frequentou a Universal por cinco anos, mas havia quatro que estava longe da presença de Deus. Vítima de quatro AVCs e dois infartos, ela foi convidada por uma voluntária a dar mais uma chance para Deus e para si mesma. Ela agradeceu a atenção e confirmou que vai voltar a fazer as correntes de oração e a buscar por sua saúde.

Scheila Ávila, de 42 anos, atuou como voluntária e destaca a relevância da iniciativa: “O que realmente importa não é o alimento físico, mas sim o alimento espiritual, levar a Palavra do Senhor Jesus para as pessoas, assim como fizeram comigo um dia”. Ela acrescentou que independentemente da placa de igreja, a Salvação das almas deve ser o foco. “Já estou ansiosa por colaborar num próximo evento”, destacou.

SAM_7433.690x460O líder do trabalho evangelístico de um dos templos da Universal da cidade de Canoas, Cezar Sanhudo, de 28 anos, também falou sobre a importância do trabalho. “O evento ajuda as pessoas que, às vezes, chegam sem rumo, pensando até em se matar, ou crianças que são agredidas, que estão nas drogas. Levamos Deus para essas pessoas”, argumentou. Ele acrescentou ainda que a vida espiritual de quem atua como voluntário também evolui, uma vez que, ao doar o seu tempo para ajudar o próximo, Deus supre todas as necessidades.

Ao término do evento, o pastor Marcelo Trajano ministrou a oração de cura e milagre, em que pessoas foram libertas de dores e opressões. Demais pastores e voluntários também realizaram orações por todos os presentes.

Se você também deseja fazer parte desse trabalho de ajuda ao próximo, procure uma Universal mais próxima de sua casa, e obtenha mais informações.

(*) Com informações da Universal Rio Grande do Sul

Gostou? Então compartilha:

Related Post

Deixe um comentário