Jovem foi recrutado no Snapchat para vender drogas pelo correio

teen
Um jovem de 14 anos foi recrutado por uma gangue para vender crack e cocaína. Eles entraram em contato através do Snapchat, um aplicativo social que deleta o conteúdo automaticamente em 24 horas (ou quando o próprio usuário o deleta).

Isso aconteceu dois anos atrás. O jovem queria fugir de casa e respondeu a um post no aplicativo que oferecia dinheiro e acomodação. Em apenas 80 minutos, ele foi buscado em casa e não voltou por uma semana.

Sua mãe descreveu para a BBC a situação desesperadora que a família passou querendo reencontrar o filho: “Quando eu descobri o que ele tinha feito, achava que a qualquer momento receberia uma ligação dizendo que estava morto, principalmente por causa das várias noites em que o procurei nas ruas, mas não pude achá-lo.”

O jovem contou que foi forçado a esconder drogas dentro de seu corpo, uma vez que a polícia não pode fazer revistas íntimas em menores de idade. Ele foi apenas um dos vários jovens recrutados desta forma.

Em sua defesa, o Snapchat afirma que trabalha para tornar a plataforma a mais segura possível. Seus termos e condições afirmam que o aplicativo não deve ser usado para atividades ilegais e que conteúdos inapropriados podem ser facilmente denunciados.

Você sabe o que seus filhos estão fazendo online?

Como o exemplo acima mostra, a vida de um jovem pode mudar drasticamente em uma questão de minutos, quando estão usando a internet. Está ficando cada vez mais fácil acessar websites e aplicativos que são prejudiciais. Ao mesmo tempo, cada vez mais os pais têm reduzido a supervisão das atividades de seus filhos na internet.

Os pais têm a responsabilidade de proteger seus filhos das coisas negativas deste mundo. Logicamente, eles não podem fazer isso a todo o momento, mas devem se esforçar para fazer o máximo que conseguirem.

É possível (e necessário) que os pais supervisionem as atividades online de seus filhos, inclusive o tempo de uso e os websites que eles acessam. Afinal, uma das tarefas mais importantes dos pais é impor limites, uma vez que as crianças e jovens ainda precisam desenvolver seu senso de certo e errado.

Uma prova disso é que, segundo pesquisas, 33% dos jovens afirmam ter contas secretas nas redes sociais.

Além de supervisionar seus filhos, nunca se esqueça do poder que a oração pode ter na vida da sua família. Te convidamos a juntar-se a nós às quintas-feiras, às 10h e 12h, para participar da nossa reunião da família, onde fazemos orações a favor dos seus familiares. Em sua Universal local.

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário