Chatice crônica ou passageira?

É sempre curiosa, God, último a saber,

Chatice crônica ou passageira?

Denominamos de chatas as pessoas que possuem um comportamento importuno e desagradável no convívio com as demais. Do tipo inconveniente e inadequado mesmo.

Existem aquelas pessoas que são “doentes crônicas de chatice”, mas a grande maioria sofre apenas de alguns episódios esporádicos. Infelizmente, em ambos os casos, normalmente a pessoa não se dá conta.

Quem está de fora percebe logo, mas o portador de chatice é o último a saber.

Portanto, se você tem dúvidas se é ou não um chato de carteirinha, analise as situações abaixo e veja se identifica com alguma delas. Se você se enquadrar em uma ou mais alternativas, é bom se tratar, isto é, se corrigir imediatamente!

* Reclama da vida, do trabalho, do trânsito, da família, da igreja… Enfim, são reclamadores de plantão, qualquer coisa é motivo para começar a apontar o lado negativo das coisas, pois seus olhos não conseguem focar no que é positivo.

* Somente você está certa, e para isso defende seu ponto de vista e tenta convencer que todos os demais estão errados. Ouvir os outros não é o seu forte!

* Seus assuntos são sempre os mesmos. Haja paciência para aguentar!

* É sempre curiosa e não controla a inconveniência, a ponto de disparar perguntas impróprias sobre salário, intimidades, vida amorosa etc.

* Gosta de dar “lição de moral” nas pessoas e nem ao menos se preocupa em fazer isso reservadamente.

* Gosta de falar dos defeitos que as pessoas querem disfarçar, como a espinha na ponta do nariz, a orelha de abano, a verruga que começou a crescer, a olheira que você e todo o mundo sabe que ficaria perfeito em um panda, o abdômen que está inchado…

A lista de chatices é enorme, por isso convido vocês a nos ajudarem com dicas para evitarmos o mal da chatice que tem sido tão grande em nossos dias!

Até a próxima!

Cristiane Cardoso
cristianecardoso.com

Gostou? Então compartilha:

Related Post

Deixe um comentário