A importância de montar um planejamento

para realização de meus sonhos, satisfação e felicidade, um bom planejamento,

A importância de montar um planejamento

O final do ano chegou e, com ele, as datas festivas também. Esse é o momento em que as pessoas se reúnem com seus amigos e familiares para celebrar o Natal, realizar festas e confraternizações, amigos-secretos, comemorar a entrada de 2017 e por aí vai. Mas como participar dessas celebrações sem que elas atrapalhem as finanças?

A life e business coach Tabatha Moraes explica que é importante buscar o equilíbrio nos gastos, avaliar as metas não cumpridas em 2016 e identificar aonde se quer chegar. “Acima das compras, este mês de dezembro é um bom momento para fazer uma análise sobre tudo o que se realizou em 2016 e o que ficou apenas no campo das ideias. A partir disso, é essencial se preparar para recomeçar e estabelecer novas metas”, explica.

Mas como se planejar de forma eficiente? Afinal de contas, é muito comum se ter vários projetos e realizar poucos ou quase nenhum. A especialista em gestão de pessoas Alessandra Amorim revela que, para que os sonhos se concretizem, é preciso mais que apenas querer.

“A dica principal para se fazer um bom planejamento é colocar no papel todos os objetivos de cada área separadamente. Um erro bastante comum na hora de planejar é estipular metas muito desafiadoras para o 1° semestre e poucas ações para o 2º semestre. O ideal é traçar uma linha do tempo que contemple todo o ano, onde fique claro quais são as ações a serem tomadas e os resultados esperados de cada mês”, observa.

Planeje de forma eficiente

Muitos objetivos, para serem realizados, dependem da aplicação de recursos financeiros. Por exemplo, se pretende comprar um carro novo, quanto é preciso economizar mês a mês até a data que se determinou para comprá-lo? Simples mudanças na dieta que requeira novos alimentos à mesa podem causar impacto no bolso. Sem falar na escola das crianças, na faculdade, naquela viagem e tudo o mais que deve fazer parte do orçamento.

“Usar planilhas ou mesmo um software, que pode ser gratuito, ajuda muito durante a execução. Quais são minhas despesas fixas? Quais as despesas variáveis? Quanto tenho de créditos? Quanto de débitos? Quanto posso dispor para realização de meus sonhos? Posso, além de tudo o que quero, realizar meus sonhos e quando?”, orienta o administrador, coach e gestor de negócios Antônio Carlos de Figueiredo.

Fazendo isso é possível saber o prazo e a viabilidade para cada projeto. Alguns objetivos demandam espaço maior de tempo entre a idealização e a realização. Ou seja, é preciso que esses propósitos estejam de acordo com o prazo que demandam cada uma delas. “Reforço a importância de escrever meta por meta. Caso ela não consiga ser realizada no prazo, refaça o planejamento sempre que precisar, calcule o novo tempo para a execução e ajuste expectativas. Se permita comemorar muito a cada realização alcançada e siga para a próxima”, acrescenta Figueiredo.

Faça uma autoavaliação

Quando o assunto é autocrítica, segundo os especialistas, o mais comum são as pessoas insistirem em justificar seus erros, por isso é preciso deixar a emoção de lado e avaliar seu grau de satisfação em cada área da vida.
A coach de carreira Suely Novoa sugere uma técnica chamada Roda da Vida. “Ao preencher a Roda da Vida, que está aqui na página, você identificará o seu estado atual, o nível de satisfação em relação aos diferentes aspectos e começará a fazer uma projeção de como gostaria de estar no futuro próximo ou distante.”

Ela cita como exemplo uma cliente que preencheu o gráfico com 60% de satisfação no aspecto carreira. “Ela considerou que poderia e deveria dar mais atenção ao trabalho. E quando perguntei a ela o que precisaria acontecer para que obtivesse potencial de crescimento na carreira e chegasse aos 90% ­‑ 100% de satisfação em seis meses ­‑, ela refletiu e disse que teria que formular seus objetivos, o que não fazia antes”, exemplifica.

Preparar-se

Quem planeja e tem foco, consequentemente, tem mais qualidade de vida, realização, satisfação e felicidade. E, quando se estabelece um plano, as chances de acertos são bem maiores e os resultados mais visíveis. Por isso, não deixe de fazer um planejamento, é ele quem pode te ajudar a traçar estratégias para as realizações. Afinal de contas, sem caminhos bem definidos não há como se chegar aos lugares que se deseja estar.

A roda da vida

Preencha cada área com seu próprio grau de satisfação, de 0% a 100%. O que falta para realização pessoal em cada uma delas?

*Texto escrito por Suely Novoa, coach de carreira e talentos

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário