Fugir não é a opção certa

meus sentimentos negativos, uma solução para o meu problema,

Fugir não é a opção certa

Sou a mais nova de nove irmãos, mas um deles tinha muito ciúmes de mim, e nós brigávamos constantemente. Eu queria me casar e ter a minha própria família.

Conheci meu esposo na minha juventude. Nós namoramos e ficamos noivos, apesar do fato de brigarmos constantemente por causa de ciúme. Mesmo assim, me casei aos 22 anos e tive o meu primeiro filho aos 23. Pensei que finalmente seria feliz, mas não foi nenhum conto de fadas. Meu esposo saía muito e eu ficava sempre em casa cuidando do nosso filho. Tive muita dificuldade para ter a minha filha, então me tornei muito triste e estava sempre chorando. Superamos estas dificuldades e tivemos mais três filhos. Eu aguentava, sempre esperando que tudo melhorasse, mas nada mudava. Não suportava mais aquela situação, eu queria morrer.

Decidimos nos separar e voltei para a casa dos meus pais. Me vi no fundo do poço, cheguei sem nada, apenas com meus cinco filhos, e tive que viver de favor. Meus filhos foram estudar, eu comecei a trabalhar e não tinha tempo para eles. Eles cresceram praticamente sozinhos, e os problemas só aumentaram. Entrei em depressão e fui ao médico, mas não encontravam uma solução para o meu problema. Eu não conseguia ser feliz. Então fui convidada para vir ao Centro de Ajuda, onde me ensinaram como mudar minha vida.

Participei das reuniões de quarta-feira, além de outras reuniões semanais. Consegui vencer todos os meus sentimentos negativos. Decidi participar de um propósito de fé pela transformação da minha vida sentimental e, com o passar do tempo, me reconciliei com meu marido. Hoje nosso casamento é completamente diferente, somos unidos com nossos filhos. Eu já não sou mais a mesma mulher. Tenho paz, alegria e sou feliz comigo mesma. Hoje o meu sonho virou realidade.

Inêz Moniz

Gostou? Então compartilha:

Related Post

Deixe um comentário