Eu não aceitei minha situação financeira

diferente e extraordinário, dispostas a me ajudar, estou muito feliz,

Eu não aceitei minha situação financeiraAs finanças de Ruth Ana Airosa estavam uma bagunça. Embora ela estudasse, suas notas só pioravam. Ela achava que não concluiria seus estudos e não via um futuro para si mesma. No entanto, hoje ela está trabalhando na área de seus sonhos. Leia abaixo sua entrevista inspiradora para o “Notícia Local”.

O que afetava seus estudos?
“O fato da minha vida girar em torno das festas. Eu costumava sair e perder meu tempo com as pessoas erradas. Sempre era a mesma coisa: meu fim de semana começava na quinta-feira; íamos a várias festas e passávamos horas dançando e bebendo. Aquele estilo de vida realmente afetou meus estudos, pois eu me sentia extremamente cansada na faculdade, o que dificultava a minha concentração. Embora eu tivesse amigas, festas e um namorado, sempre que estava sozinha havia um vazio dentro de mim. Eu costumava chorar muito e não conseguia entender o porquê.”

Um dia, enquanto Ruth andava na rua, ela recebeu um jornal do centro de Ajuda.

O que fez você vir para o Centro de Ajuda?
“Ao ler as histórias reais daquele jornal, acreditei que, assim como houve esperança para aquelas pessoas mudarem suas vidas, também poderia haver esperança para mim. Comecei a participar das reuniões semanais, incluindo a Nação dos 318, às segundas-feiras, que tem como foco as finanças. Eu percebi que aquele lugar era diferente. As pessoas eram realmente felizes e estavam dispostas a me ajudar.”

quais ações você tomou para mudar sua situação?
“Primeiro deixei de lado o estilo de vida que estava levando, porque sabia que aquilo estava apenas me prejudicando. Também comecei a praticar tudo o que me era ensinado lá e participei de desafios de fé – ou seja, me desafiei a fazer algo diferente usando minha fé acreditando que, da mesma forma, Deus faria algo diferente e extraordinário na minha vida. As coisas começaram a mudar para mim, começando por meu interior. Eu não estava mais triste o tempo todo, nem me sentia vazia. Comecei a ter paz dentro de mim.”

Quais resultados você alcançou e como está sua vida hoje?
“Como consequência, eu pude me concentrar mais em meus estudos e concluir o colégio. Então, fui para a universidade, onde cursei Administração de Empresas. Eu concluí o curso e comecei a trabalhar na minha área. Porém, não estava feliz com o meu salário e não aceitei aquela situação. Usei minha fé e tomei a atitude de ir conversar com o meu chefe sobre aquilo. No começo, ele não aceitou, mas eu continuei crendo. Uma semana depois, me ofereceram um aumento de salário muito bom, e agora também estão pagando por meu transporte para o trabalho. Estou muito feliz com isso. Estou avançando financeiramente e me esforçando para continuar a me destacar em minha área de trabalho.”

Ruth Ana Airosa

Gostou? Então compartilha: