De sem abrigo a gestor de projetos

como ser fiel a Deus, o meu sacrifício, ser um exemplo,

 

 

De sem abrigo a gestor de projetosO tempo foi passando e a minha vida não progredia, pelo contrário, só desmoronava. Já em Londres, cheguei a viver numa casa para pessoas sem abrigo. Naquela casa também viviam pessoas viciadas no álcool e em droga. Lembro-me que tinha, apenas, uma única calça jeans. Essa calça ficou tão gasta, porque eu a usava todos os dias. Estava a viver uma vida de humilhação.

Eu tinha o sonho de ser grande, porque, outrora, eu tive uma vida boa, então, o meu objetivo era progredir e ser um exemplo. “Mas como ser um exemplo com esta vida vergonhosa?” – pensava eu. Sentia-me de mãos atadas, faltava algo, mas eu ainda não sabia o que era. Eu já não tinha perspectiva de vida. Por causa da vida promíscua que eu levava, eu já nem sequer pensava em constituir família. Casar, estava fora de questão, pois, infelizmente cresci sem bons exemplos positivos de amor e fidelidade. Por isso, o amor, também era uma utopia para mim. Foi nesta situação que eu conheci o Centro de Ajuda, sem abrigo, sem dinheiro, sem perspectivas de vida, sem nada.

Quando eu ouvi falar sobre o dízimo aprendi como ser fiel a Deus em tudo. A minha vida logo começou a mudar. Nesse período trabalhei como empregado de limpeza, no McDonalds e também fui ajudante nas obras. Através da minha fidelidade no dízimo a minha visão mudou e, consequentemente, comecei a investir em mim mesmo. De imediato, fui para o colégio estudar Engenharia Eléctrica, após isto, Deus começou a abrir as portas e ingressei na Universidade.

Quando acabei o meu curso superior, vivia-se uma época de crise económica, mas a minha fé levava-me a crêr que a crise não era para mim, nem sequer iria afectar-me, pois, sendo eu fiel a Deus, eu tinha que ter o melhor, independentemente, de crise alguma. Comecei a procurar trabalho, mas, infelizmente, não obtinha resposta, pois a média no meu certificado era muito baixa para a companhia que eu desejava trabalhar. Perante esta situação, a Campanha de Israel foi anunciada. Mas o que é a Campanha de Israel?

cassos-inFoi me explicado que uma Campanha de Israel é um grande evento mundial que o Centro de Ajuda faz todos os anos, onde temos a oportunidade de usarmos a nossa fé sobrenatural, sacrificando para Deus, em prol de um sonho. E eu tinha um sonho. Desejava vêr o poder de Deus na minha vida. Eu ainda estava desempregado, naquela época, mas eu acreditei que aquela seria a oportunidade de mudar a minha vida. Então, eu tomei a decisão de sacrificar e participar dessa Campanha de Israel.

Eu procurei por pessoas que desejavam pintar as suas casas e consegui gerar o meu sacrifício. Cumpri o meu voto no Altar e determinei o salário que gostaria de ganhar a partir daquele dia. Ainda assim, depois da Campanha obtive algumas respostas negativas, mas eu não desisti, eu aprendi que quando tudo parece dizer “não”, é aí que eu tenho de colocar a minha fé nesse Deus vivo em ação, para que todos vejam o Seu poder na minha vida. Eu continuei a perseverar, com mais força, porque eu sabia exatamente o tipo de trabalho e o salário que eu queria ganhar.

Só bastava confiar e mostrar a Deus o quanto eu cria na Sua palavra. E, com certeza Deus honrou o meu sacrifício. Comecei a trabalhar numa empresa e, rapidamente, fui colocado em posições de destaque. Todas aquelas empresas que me rejeitaram, hoje, eu dirijo o trabalho delas. Devido à proximidade que a minha empresa tem com o governo, eu tive o privilégio de ser transferido durante 12 semanas e trabalhar no ministério dos transportes como secretário adjunto do ministro dos transportes e também da secretaria do estado. Importa dizer que visitas de trabalho ao parlamento no Westminster eram frequentes. Foi uma experiência única, que eu jamais imaginaria que iria acontecer comigo, pois, olhava para trás, e via um sem abrigo, sem prespectivas de vida e humilhado.

Mas, naquele momento eu tinha me tornado uma personagem importante na gerência dos transportes em todo o país. A partir dali, eu nunca mais parei de colocar a minha fé em ação, na realidade, eu nunca mais parei de crêr naquilo que os conselheiros espirituais diziam. No entanto, a minha vida continuou a progredir e não foi, apenas isso, que aconteceu comigo.

Ao perseverar nas Correntes de Oração, eu, que antes era uma pessoa que não acreditava no amor e nem sequer queria casar, estou casado com uma mulher de Deus, uma companheira maravilhosa que me apoia em tudo o que eu faço. Posso acrescentar que, consegui comprar o meu apartamento, tenho o meu carro próprio e fui promovido, no trabalho. Para além do mais, no meu lar existe paz, amor e fidelidade. Hoje, eu tenho alegria dentro de mim. Eu acreditei e aconteceu. Não hesite mais, faça o que eu fiz.”

Kelson Dos Santos

 

 

Gostou? Então compartilha:

Deixe um comentário